Nossa História

Fundada em 1981 por iniciativa de Sandra Sinicco, a SAJAMA foi criada para enfrentar as demandas da urbanização crescente em torno do bairro.

O Jardim Marajoara era, antes dos anos 60, composto por lotes similares a chácaras. Apesar da rica herança ambiental remanescente, esse bairro verde tornou-se com o tempo verdadeiramente um bairro urbano, com todas as consequências da modernização refletidas no espaço e em seus moradores.

À altura da fundação da SAJAMA (então SABJM – Sociedade dos Amigos do Bairro Jardim Marajoara), serviços básicos como fornecimento de água e eletricidade eram deficitários. Não havia iluminação pública ou tratamento de esgoto. Por outro lado, desde então aviltavam-se os interesses em torno de um bairro e seus aproximados 40 mil m² de área verde pública. 

Com a fundação da SAJAMA, uma das primeiras iniciativas conjuntas entre vizinhos deu-se inicialmente em torno da praça Hugo Sacco, que passou a ser limpa regularmente, evitando acumulação de detritos e aumentando a visibilidade e segurança do lugar – o primeiro passo de um processo de conscientização civil intermitente. Ainda nos anos 80, o terreno da sede da SAJAMA foi conquistado junto ao poder público, somando-se às 14 praças do bairro como um espaço de convívio e recreação para moradores e amigos do bairro, com zona coberta, brinquedos e um viveiro de plantas.

Por meio de deliberação constante e da criação de representantes de quarteirão, os interesses comuns eram discutidos e defendidos através de diálogo e ações conjuntas com órgãos públicos, empresas de serviços públicos e outras associações de bairro. Muitos moradores saíram e muitos chegaram desde 81, mas a essência e a importância da missão da SAJAMA permanecem a mesmas.